segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

As mentiras que os homens contam

Era alguma data festiva, estava procurando presente passei numa livraria, o título atrativo "As mentiras que os homens contam" chamava atenção. Dei uma bela folhada e acabei lendo o texto do Veríssimo que dá nome  a obra e fiquei com vontade de ler o resto. Portanto, conclui que seria um presente adequado para minha mãe. Primeira mentira, afinal era para mim, disfarcei direitinho fui pegar emprestado, só alguns dias depois.

Segunda mentira, recebo uma ligação pela manhã de uma querida, com uma pergunta: "Lembra hoje é meu aniversário?" E de forma rápida respondo: "Lógico até comprei uma surpresa para ti." Na verdade, não tinha nem idéia da data, lembrava da cor do cabelo e do tamanho dos seios. Estava carente, fato evidente pela ligação, portanto seria alvo fácil.

Combino uma janta na casa dela, peço para mandar uma mensagem confirmando o endereço. No decorrer do dia esqueço de comprar algum engodo, o shopping já estava fechado pelo horário. Tenho necessidade de levar algo, chegar atrasado e sem presente, a deixaria indignada e suspenderia qualquer chance de transa.

Terceira mentira, "Mãe passei só para dar um oi e ver como estão as coisas". Fiquei alguns minutos na residência dos meus pais, parecia um pit stop de Fórmula1, mas o objetivo era resgatar o livro. Consegui, saí com o livro embaixo do braço.

Quarta mentira, enfim chego no local desejado, ela abre a porta, vejo uma mesa enfeitada com vários apetrechos. Antes de entrar entrego o livro e falo "Comprei pra ti". Fica entusiasmada com lembrança e afirma categórica: "Os homens não são todos iguais, tu é especial". Escutei aquela frase melosa com paciência, afinal a noite estava garantida. (por Iberê)

25 comentários:

Wanderly Frota disse...

Esse livro parece ótimo!
Adoraria ganhar de presente rs

O Cercadinho disse...

Wanderly, fica por aqui lendo, quem sabe um dia sai O Cercadinho, ai vai na fila de autógrafos para pegar o seu.

bjs
(por Iberê)

Heat disse...

hahahahahhahahahahahahahahahhahaha

Lembrei de uma musica do Ultraje a Rigor: "eu sou um monstro de duas cabeças, uma cabeça de bagre outra cabeça de treta [...] uma enche o saco e a outra esvazia..."

Stela disse...

baita chalálá hein Ibere, fala serio!!! e tem mulher que ainda acredita ser especial pra ti, mas valeu a tentativa, pelo menos nao terminou a noite nos 5 contra 1.
tu me surpreende a cada texto.
bjs bjs

júh doce mel ♥ disse...

Oi tudo bem ?
Adorei o nome do seu blog e os textos também são super interessantes e ja estou te seguindo bjos e boa semana e obrigada pela visita em meu blog =)

http://jhdocemel.blogspot.com/

Bianca disse...

Bom texto, mas confesso que o Wanderlei me ganhou com o Ode dele. rs. Bkcas pra vcs, meninos.

Neide disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Neide disse...

Espero que tenhas tido um ótimo Natal.E desde ja desejo um Feliz ano novo para vc e sua familia.

Este livro parece ser bem legal.Devemos comprar,pra saber mais deles.
Estou te seguindo,egostaria que vc tbm me seguisse.
Bjs!!

Suellen disse...

Precisoo comprar este livro!!! Adoreei o post...

Através De Sonhos disse...

Olá, venho aqui para agradecer a sua simpatia em meu blog. Estou dando uma olhada em seus post's e os achei muito interessante. Já estrou seguindo (:

O Cercadinho disse...

Suellen, livro é excelente como todos do LFV, mas esse texto é meu, não vai encontrar lá.

bjs
(por Iberê)

O Cercadinho disse...

Heat, boa lembrança.

bjs
(por Iberê)

O Cercadinho disse...

Júh, seja bem recebida aqui, e é uma prazer ter alguém do teu nível nos seguindo.

bjs
(por Iberê)

Line Borges disse...

kkk... adoreiiiiiiiiii o blog!!!
Muito divertido!!!
Ja vou virar seguidora!!!!

beijos
um super 2012 pra vc!!!

O Cercadinho disse...

Bianca, fique por aqui, mas um alerta, cuidado com estilo sedutor, cafafeste e sedutor do Wanderlei. Quando perceber vai estar apaixonada por ele.

bjs
(por Iberê)

O Cercadinho disse...

Neide, o livro como qualquer um do LFV é excelente, lendo O Cercadinho vai saber muito sobre como os homens pensam de fato.

bjs
(por Iberê)

Alê disse...

Veríssimo é extraordinário,

Aliás, Pai e Filho,



Bjkas

O Cercadinho disse...

Alê, sim os dois são excelentes, já leu Incidente em Antares, do Erico, fica a dica um livro perfeito. Do LFV, sou suspeito para dar sugestões, pois sou viciado em todos os textos dele.

bjs
(por Iberê)

Amanda Inácio disse...

Belo blog. Meio louco, mas interessante. hehehe
Gostei do estilo de texto do Wanderlei. Do Heitor achei ele bagaceiro. Os teus, Iberê, são meio confusos. Já o Cebola se acha, né? hehehe
Mas mesmo assim parabéns e passarei a segui-los. Continuem entrando no meu também, tá? Beijinhos. Amanda

Cebola disse...

Boa tarde Amanda,
Adorei o seu blog também, e se me conheceres melhor verás que sou simples, objetivo e nem um pouco me acho.

Bjão querida

Amanda Inácio disse...

Cebola

Lendo teus textos, foi a impressão que me passastes. Sorry. Mas outras gostarão dos teus textos, com certeza. Existe gosto pra tudo. hehehe
Beijinhos, meninos.

O Cercadinho disse...

Amanda, confuso, boa definição, na verdade tento simplicar e ser direto nos textos. Continue lendo querida, O Cercadinho.

bjs
(por Iberê)

Ana Souto disse...

A diferença de você para os outros homem é que o improviso saiu mais bem feito !

O Cercadinho disse...

Ana, se deixar improvisar fica nas minhas mãos.

bjs
(por Iberê)

Ludi disse...

huahauhau

Esse livro é sensacional, tem um texto que eu sempre digo que é minha cara... me vejo na pele do cara (morto né, hauahuaa, mas acho fantástico) "O verdadeiro José", sempre brinco com essas coisas de identidade, acho o máximo ser uma hoje, outra amanhã...por isso adoro esse texto..e claro, amo o Veríssimo, a menina ainda saiu ganhando ahuahaua Verissimo + uma transa! pow ahuahua

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...